12%

12%.Não sei porque eu demorei os outros 88% pra começar a escrever isso. Na verdade, acho que estava pensando no que não escrever porque o caminho inverso tem sido o menos louco pra mim. Já me peguei três vezes na semana tentando definir algumas coisas sobre o eu. Me vi falando sozinho o trabalho, chorando... Continue lendo →

Anúncios

O acompanhante paradoxal

"Eu, o escriba, o letrado, o que em ato egoísta para salvar-se, escreve o mundo mesmo sabendo que o profana"

Renda-se

"O que te seduz, o que te delicia, o que te morde, não é o anjo do amor, mas o demônio da paixão. O deus do pecado."

Descubra-me

"Eu vejo você com pouca frequência e agradeço a Deus por isso. Porque cada vez que te vejo, me perco, não sei o que fazer."

Utópico

"Ele é flamejante. Quente como uma tarde de verão que não tem mais fim. Solstício que se perde nos raios do Sol. Ele queima como uma chama ardente que derrete a prata e faz dela a coroa que adorna a sua cabeça, os seus rúbios fios rebeldes."

Faça-me amar

"Cada sopro de amor, cada beijo e cada toque, cada transa forte. Tudo o que sempre quis. Tudo o que eu preciso mais uma vez."

Negra, meu amor

"E me apaixono. Todos os dias seu sorriso é o mesmo, mas sempre diferente."

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: